Centro de Diagnóstico e Terapias: Alzheimer e Outras Patologias

Horário : Segunda a Sexta das 09h00 às 19h00
  Contacto : +351 21 750 6010 | info@neuroser.pt

A Terapia Ocupacional na Reabilitação pós-AVC

A Terapia Ocupacional é uma das áreas a intervir em caso de Acidente Vascular Cerebral (AVC). O seu foco está principalmente na manutenção e promoção da independência e autonomia da pessoa nas suas ocupações diárias (como tomar banho, passear, ir trabalhar, entre outras). Desta forma, a abordagem realizada é, muitas vezes, dirigida à promoção da independência nas actividades de vida diária, ao treino de utilização de produtos de apoio , à manutenção de papéis ocupacionais (responsabilidades) significativos para a pessoa, à adaptação do ambiente , entre outros.

O processo deve ser iniciado com uma avaliação formal que identifique os principais problemas sentidos pela pessoa e/ou pelo seu familiar, as competências actuais, as ocupações realizadas e as suas características e, por fim, os ambientes envolventes.

Após a avaliação, caso seja verificada indicação para iniciar, é elaborado um plano adaptado a cada pessoa e às suas necessidades, que poderá variar em frequência, em tipologia de exercícios e actividades e em objectivos a alcançar. Durante a intervenção é essencial a monitorização do plano e a reavaliação da pessoa, por forma a adaptar a abordagem sempre que necessário.

Além disso, é primordial o apoio à família, através de ensino de estratégias que facilitem o cuidado e que não coloquem em causa a independência da pessoa, possibilitando um equilíbrio entre a necessidade de ajuda e a imposição da autonomia.

Artigo por: Ana Matias – Terapeuta Ocupacional no NeuroSer